Perfil – Daniel Sobreira

Meu nome é Daniel Sobreira. Tenho experiência nos mercados de comunicação, gestão e marketing. Já atuei profissionalmente nas áreas de criação publicitária, gestão empresarial e como professor universitário.

Atualmente, como sócio da DS Works, atendo clientes de diversos portes e segmentos de várias partes do mundo, fornecendo um suporte prático e estratégico nas áreas de comunicação, marketing digital e lançamento de infoprodutos (produtos digitais).

Além disso, produzo conteúdos direcionados a empreendedores que querem construir suas próprias estruturas digitais para rentabilizar seus propósitos na Internet. E há quem duvide, mas sou sanfoneiro nas horas vagas.

Desde 2018 moro com minha família na Espanha, onde curso um doutorado em Formação em Sociedade do Conhecimento na Universidade de Salamanca.


Formação

  • Doutorado: Formação em Sociedade do Conhecimento – Universidade de Salamanca – Espanha (2018-)
  • Mestrado: Gestão Empresarial – UFU – Uberlândia (2016-2018)
  • Pós-Graduação: Design Gráfico – UNIFRAN – Franca (2007-2009)
  • Graduação: Publicidade e Propaganda – ESAMC – Uberlândia (2002-2005)

Empreendedorismo

Minha iniciação no universo do empreendedorismo se deu enquanto eu cursava a faculdade, em meados de 2002. Minha turma tinha inúmeros talentos, mas poucos demonstravam interesse na área de design, apesar da grande demanda por vagas de estágio e trabalhos como freelancer. Identifiquei a demanda, estudei, pratiquei, enfim, me preparei. E as oportunidades começaram a aparecer.

Já fazia meus trabalhos como freelancer e tinha um estágio na área quando um professor de Criação me convidou para estagiar em sua agência. Nesse momento, mesmo sabendo que iria trabalhar mais e receber menos durante um tempo, consegui identificar outras oportunidades e não deixei que elas passassem.

Alguns anos depois eu teria mais uma oportunidade: em 2008 abri minha empresa através de uma parceria feita com aquele meu ex-professor. Pode parecer clichê, mas faz todo sentido: o sucesso vem quando a oportunidade encontra a preparação.

Minha empresa já passou por diversas fases, boas e ruins. Se manteve ativa, sobreviveu aos altos e baixos do empreendedorismo e me presenteou com diversas lições, de negócios e de vida. Hoje o meu modelo de negócios me permite ter liberdade de trabalhar de qualquer lugar do mundo com aquilo que eu amo. Não poderia ser mais grato às oportunidades que vivi e abracei.


Carreira acadêmica

Eu caí de paraquedas no universo acadêmico, me apaixonei e não consegui mais largar. Minha primeira aula foi em agosto de 2007 para uma turma de mais de 60 alunos de 3 cursos diferentes (na mesma sala). Eu tremi, suei frio, me desesperei. E sai de lá querendo mais.

De lá pra cá, já lecionei em 4 instituições diferentes para cursos de Publicidade, Design, Jornalismo e Relações Públicas, em dezenas de disciplinas distintas, nas mais diversas áreas da comunicação e para centenas de alunos.

Depois de todos esses anos, mesmo estando atualmente afastado da sala de aula convencional, não consigo enxergar minha vida sem essa rotina de transmitir conhecimentos. E por isso comecei a produzir conteúdo no YouTube e Instagram.


Paixão pela música

Quando fiz minha primeira aula de violão eu tinha 6 anos de idade. Foi paixão a primeira vista, mas o professor do conservatório não estava tão empenhado em ir às aulas como eu estava. Menos de um ano depois eu desisti de esperar o professor na porta da sala, peguei meu violão e fui pra igreja. Os padres que me perdoem, mas ali a minha atenção estava 110% voltada aos acordes dos colegas de coral.

Cheguei a pensar em fazer uma formação em música, mas adivinha? Não passei na prova de habilidade específica da universidade. Hoje em dia vejo que as coisas caminharam da melhor forma que poderiam.

Ao longo da minha “carreira” musical, eu fui estipulando metas e alcançando todas elas. A primeira que tenho lembrança foi ganhar um concurso de bandas e assinar um contrato com a maior casa de shows de rock da cidade. Dito e feito. Minha banda de garagem da época de adolescência, na qual eu era o baixista, cumpriu essa proeza.

Depois eu larguei o baixo e fui para o acordeon. Minha meta era aprender meia dúzia de músicas pra bancar o diferentão em uma viagem. Acabei me encantando pelo instrumento, o que me instigou a estipular diversas outras metas.

Em 2007 fundei com outros dois amigos um projeto musical ligado à difusão da cultura nordestina. Com esse projeto em consegui cumprir metas como músico e como empreendedor. Participamos de festivais nacionais, conhecemos diversas cidades, estados e regiões, gravamos um disco com músicas autorais, fizemos amizades e vivemos experiências incríveis.

Na minha cabeça, faltava só uma única meta pra que eu me sentisse finalmente realizado como músico: fazer apresentações na Europa. Em novembro de 2018 me mudei para a Espanha. Em fevereiro de 2019 comecei a fazer minhas primeiras apresentações por aqui.

Mas nesse meio tempo outra meta foi surgindo: unir essas 3 áreas em uma só. O empreendedorismo, a área acadêmica e a música. Mais precisamente, agora quero oferecer conhecimentos sobre empreendedorismo aos colegas músicos. Quero que possam contar comigo para construir carreiras sólidas, baseadas em propósitos e convicções que façam sentido na vida de cada um.


Links diversos